Relaxar É Preciso


Crise Existencial

Vivemos em uma época de crises. Crises pessoais, conjugais, políticas, econômicas, sociais, ecológicas, administrativas, enfim, estamos nos defrontando com o SER OU NÃO SER da Filosofia, e a moderna necessidade de novos valores.

Nos dias de hoje o cidadão urbano sente-se pressionado por uma sistema social altamente exigente.

Vivemos em uma época de crises. Crises pessoais, conjugais, políticas, econômicas, sociais, ecológicas, administrativas, enfim, estamos nos defrontando com o SER OU NÃO SER Como meditar para iniciantes. Confira as nossas dicas! #meditação: da Filosofia, e a moderna necessidade de novos valores. As idéias, tradições e ciências não estão suportando a inquietude espiritual das massas. Urge uma nova maneira de viver e conviver. Muitos buscam as respostas no mundo exterior e cada vez mais se decepcionam. O mundo externo não pode satisfazer as necessidades mais intimas do nosso espírito. Necessitamos descobrir novas fontes, de forma a termos inspiração e motivação pela existência. A automatização da vida cotidiana transformou os corações humanos em máquinas destituídas de sentimento. O excesso de racionalismo produziu situações anacrônicas em distintos campos. Já não há lugar para a nobreza de sentimentos. Tudo se veste e reveste de valores transitórios e insubstanciosos, os quais geram o vácuo espiritual.

Quem ou o que poderá ajudar o ser humano? A resposta é, simultaneamente simples e complexa. Diremos paradoxalmente: O SER HUMANO TERÁ DE AJUDAR-SE A SÍ MESMO COM O INSTRUMENTO FUNDAMENTAL DO AUTOCONHECIMENTO. Quando as pessoas compreenderem que são elas que fazem mal a sí mesmas, quando a natureza humana descobrir que não há separatividade entre os seres, as coisas começarão a marchar pelo caminho da redenção e felicidade intimas. Não há diferença entre EU e VOCÊ. Não há diferença entre VOCÊ e toda a CRIAÇÃO. Ambos são, o mesmo, coexistem infinita e indefinidamente. Como?… A mente não poderá compreender pois não está ao seu alcance. Somente a alma, ou a consciência pode desfrutar da inspiração átmica da onipresença. Lá e cá estão no mesmo lugar. Eu e você somos um. O Nada e o Todo são a Plenitude. O céu é aqui e o inferno é o aqui; tudo depende do ESTADO INTERIOR.

O relaxamento é um dos instrumentos que podem ajudar os indivíduos e os grupos sociais a reduzir ou se libertarem de excessiva tensão física, moral, afetiva, intelectual, psíquica ou social.

No campo da psicanálise conhece-se muito bem as razões técnicas pelas quais o analista coloca o paciente numa posição de repouso altamente relaxante. Até mesmo o próprio analista sente a necessidade de se instalar confortavelmente com o objetivo de atender convenientemente ao seu cliente. O mesmo se aplica ao terapeuta de vidas passadas.

Sigmund Freud foi um dos primeiros (início do século XX) a prever a necessidade de certa libertação ou distencionamento da pessoa. Foi ele quem clinicamente teve a idéia de estender o paciente sobre o divã com o objetivo de permitir ao cliente expressar aquilo que ficara recalcado durante anos devido ao condicionamento sócio-familiar.

Continue reading